Facebook

Fim-de-semana com tempo frio e seco

frio

Descida da temperatura e vento intenso. São estas as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) para as próximas 48 horas.


Segundo os meteorologistas, o frio vai fazer-se sentir já na próxima madrugada com a diminuição da temperatura mínima para valores entre os -2 e 2º C nas regiões do norte e centro e o vento a soprar forte (até 40km/h) nas terras altas do centro e sul.
As temperaturas voltam a descer na noite de sábado para domingo para valores entre -4 e 2ºC nas regiões do interior norte e centro e entre 1 e 3ºC nas regiões do litoral norte e centro e do interior sul. O IPMA prevê ainda a formação de geada nas regiões do interior, situação que se vai repetir na noite de segunda para terça-feira.

Protecção Civil deixa conselhos

Perante as condições meteorológicas previstas pelo IPMA, a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) lançou um aviso à população, onde deixa alguns conselhos e enumera algumas medidas preventivas.
Segundo a ANPC poderão verificar-se, face a estas condições meteorológicas, casos de intoxicação por inalação de gases devido a inadequada ventilação de habitações aquecidas com recurso a lareiras e braseiras, incêndio em habitações em resultado da má utilização de lareiras e braseiras ou de avarias
eléctricas e formação de gelo em vários troços de estradas.
Assim e como forma de minimizar o impacto destes efeitos, a Protecção Civil aconselha a população a «adoptar medidas de autoprotecção e comportamentos adequados», nomeadamente evitar a exposição prolongada ao frio, envergar várias camadas de roupa, ingerir sopas e bebidas quentes, tomar especial atenção aos equipamentos de combustão, ventilar as habitações, evitar e desligar aparelhos de aquecimento antes de ir dormir, e, no caso de conduzir, adoptar uma condução defensiva.

INEM alerta cuidados a ter com o frio

Também o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), perante as previsões de frio), deixou alguns conselhos às populações e relembrou que «é importante que se mantenha quente e seguro», particularmente os grupos mais vulneráveis como crianças e idosos.
«A exposição a baixas temperaturas, no interior e no exterior, podem causar riscos sérios ou letais para a saúde. Permanecer em casa pode ser uma medida adequada a várias situações, mas também aqui poderá encontrar perigos vários que importa conhecer: muitas casas estarão frias devido à falta de energia ou pelo sistema de aquecimento não ser adequado à temperatura. Quando somos forçados a utilizar aquecedores e lareiras, aumenta o risco de incêndio bem como o de intoxicação por monóxido de carbono», sublinha em comunicado o INEM.
Hipotermia e queimaduras pelo frio são algumas das patologias mais frequentes nestas condições meteorológicos, pelo que deve estar atento aos sinais e, em caso de emergência, contactar o 112.

e-max.it: your social media marketing partner

1ª Página

Publicidade

Calendário

Abril 2018
S D
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6

Links Úteis