À semelhança do que está a ser colocado em prática por vários municípios do Alto Alentejo, também em Elvas a Câmara deu ontem início à higienização das vias e espaços públicos do concelho, numa medida que pretende combater a propagação do coronovírus. Não se registando, até ao momento, nenhum caso confirmado no norte alentejo, esta medida pretende antever possíveis contágios.
Também ontem, o presidente do município elvense, Nuno Mocinho, dirigiu uma mensagem aos elvenses na qual apela ao não alarmismo, mas à necessidade de «levar o alerta a sério».
«A responsabilidade depende de todos mas, começa na atitude de cada um. A Câmara Municipal de Elvas continua a trabalhar mas, tomou as suas medidas de contenção. Encerramos equipamentos e anulámos ou adiámos actividades. Para o bem de todos, os serviços asseguram o essencial. O melhor conselho, é ficar em casa», recomenda o autarca.
«O meu pedido, é que embora respeite a opinião de cada um, todos confiemos nas nossas autoridades. O meu agradecimento, é ao gesto profissional e solidário de muitos que se disponibilizam para ajudar. Sei que o momento é difícil para todos. Sei também que tudo irá passar e precisaremos de estar unidos para enfrentar o futuro incerto que se avizinha. Os Elvenses já demonstraram a sua capacidade de resistência, a sua inteligência para seguir caminho. Também hoje, como noutros tempos, juntos vamos conseguir dar a volta e seguir em frente», refere Nuno Mocinha.

Mais Notícias